Sem censura: Tibério Azul faz “Chover” com Clarice Falcão.

Postado por Descompasso em 07/02/2017, 16:18:14

tiba clarice

Tibério Azul e Clarice Falcão/Divulgação

Tibério Azul inicia 2017 apresentando no final dessa semana o tão aguardado segundo disco da sua carreira solo: “Líquido, ou a vida pede mais abraço que razão”. Para esquentar, nesse último final de semana ele apresentou em áudio e vídeo, o single, “Chover”, com participação mais do que especial da recifense/carioca, Clarice Falcão.

“Chover” é uma genuína canção de amor, que Tibério assina com seu parceiro de tantas canções, Castor Luiz (Vamos Ficar Sol e Veja Só). Em Líquido, Castor também é co-autor de cinco das nove faixas. Além de Castor, Zé Manoel também compôs uma da música inédita em parceria com Tiba para o álbum.

O disco vem com a riqueza de arranjos e melodias já apresentada em Bandarra, produzido por Yuri Queiroga e arranjos de metais de Nilsinho. Conta ainda com músicos, como: Lucas Araújo, Areia, Vinícius Sarmento. E as participações, além de Clarice, de Pedro Luis e Vítor Araújo.

Ainda nessa semana, Líquido vem ao mundo em diversas plataformas de web e por aqui, claro, no Descompasso.

Chover:

 

Descompasso Rádio – Barro lança Miocárdio

Postado por Descompasso em 08/08/2016, 20:47:55

Nesta terça, 09, o cantor, instrumentista e compositor Barro lança “Miocárdio”, primeiro disco solo em dez anos de carreira, em diversas plataformas digitais. Para falar deste momento especial, Barro foi aos estúdios da Rádio Jornal Am 780 /FM 90,3 participar do nosso quadro #Descompasso Rádio, espaço precioso que temos dentro do programa Ponto Musical de Ismaela Silva na Rádio Jornal Am 780 /FM 90,3. Além de um bom passo, você pode conferir algumas canções de “Miocárdio”. É só apertar no play lá embaixo deste textão.

 

 

Barro - Foto 1 - Single VAI - Credito_Louise Vas_mini

Barro/Foto: Louise Vas

Antes do play, alguns detalhes que fazem deste lançamento:

#1 – Barro andou impressionando a internet com o lançamento dos clipes dos singles “Vai” e “Ficamos Assim”.

#2 – “Miocárdio” conta com várias participações especiais, incluindo quatro cantoras de quatro países diferentes. Do Brasil, Juçara Marçal (Metá Metá) pode ser apreciada numa rara interpretação em francês (com pé musical na França, integrante da Desinè, Barro não iria conseguir se distanciar tanto assim, não acham?). Além de Juçara, o disco conta com as vozes da italiana Serena Altavilla, da colombiana Catalina García (Monsieur Perine) e da  canadense Lisa Moore (Blood And Glasses). Para saber os bastidores desses encontros e as canções que deixam sua marca, você só precisa apertar o Play e escutar a entrevista na íntegra.

#3 – Além dos talentos femininos citados acima, “Miocárdio” reúne um time estrelado da nossa música. Entre as participações, destaque a presença do Baixo marcante de ninguém menos Dengue (Nação Zumbi), além de Jam da Silva, Gilú Amaral e Maurício Fleury.

#4 – Na produção musical, Barro contou com Gui Amabis, um dos produtores mais requisitados da música brasileira na atualidade, em cinco faixas. Para se teruma ideia, Amabis já produziu discos de Céu e Márcia Castro. Outros produtores talentosos também colocaram a mão na massa. São eles: Guilherme Assis, Rogério Samico, Ricardo Fraga e William Paiva.

 

O álbum completo você ouve por aqui:

 

Acho que já contamos demais. Ouça nosso papo e mergulhe no universo de Barro e seu “Miocárdio”.

5 motivos para você ouvir “Psicoativo” de Zé da Flauta por Fábio Passa Disco

Postado por Descompasso em 31/07/2016, 10:35:26
Zé da Flauta: Psicoativo (2016)

Zé da Flauta: Psicoativo (2016)

“Psicoativo” é o primeiro disco solo em 43 anos de carreira do músico que sempre manteve uma relação próxima ao ritmos nordestinos. Assumidamente roqueiro, o álbum tem nove faixas e foi lançado em julho de 2016 em plataformas digitais. No próximo sábado, 06 de agosto, o disco ganha versão física em CD pelo selo Passa Disco, braço da icônica loja pernambucana comandada por Fábio Cabral. Para celebrar a ocasião haverá uma tarde de autógrafos na própria Passa Disco, a partir das 16h.

Aproveitando o momento, pedimos para Fábio, biblioteca viva da música pernambucana, apresentar 5 motivos para você ouvir mais um lançamento do seu selo.

#1: Zé da Flauta é o Forrest Gump da música pernambucana. Estave presente nos grandes momentos da nossa história: Tocou com Ave Sangria, Flaviola, Robertinho de Recife, Zé Ramalho, participou da banda de Alceu Valença, do Quinteto Violado, entre outros projetos. Produziu Cascabulho, Meninos de São Caetano, Hanagorik.

#2: Este é seu primeiro disco solo.

#3: Tem as participações especiais de grandes músicos como Paulo Raphael (guitarrista da Ave Sangria) e do saudoso Naná Vasconcelos.

#4: O disco é bom do começo ao fim. Um CD viciante e viajado!!

#5: O projeto gráfico é do grande Lailson, outra lenda viva da cultura pernambucana e que tocou nos primórdios da carreira de Zé da Flauta, no grupo Phetus (foto abaixo).

Phetus/ Acervo Pessoal de Zé da Flauta

Phetus/ Acervo Pessoal de Zé da Flauta

 *** A Passa Disco fica na Estrada do Encanamento, 480, Parnamirim. Mais informações da tarde de autógrafos: (81) 3268-0888

Mamelungos e o seu: Esse é O Nosso Mundo. #DescompassoRadio

Postado por Descompasso em 26/07/2016, 20:08:14

Foto 1 mamelungos

Foto: Gustavo Bettini Moura

A banda pernambucana, Memelungos, hoje radicada em São Paulo, foi a convidada da vez do quadro Descompasso, dentro do Programa Ponto Musical, na Rádio Jornal.  Na ocasião, um papo muito agradável e audição de faixas do segundo disco da banda, Esse É O Nosso Mundo.

O disco  vem fortíssimo com produção do músico, China, cada vez mais aprimorado na função e com participações de jovens mulheres que estão cada vez mais ganhando espaço: Flaira Ferro, Sofia Freire e Vanessa Oliveira. Além dos consagrados, Marcelo Jeneci e Lula Queiroga.

Os quatros músicos nos honraram e o programa foi de farra e muito conteúdo. No set: La Lune, Deixe de Gostar e Varanda. Bom passeio pelo mundo da Mamelungos – Esse é o Nosso Mundo.

Ouça:

 

Romero Ferro faz pré lançamento no FIG

Postado por Descompasso em 20/07/2016, 20:42:06

unnamed (1)

(Foto: Divulgação Romero Ferro)

Mergulhado na estética sonora e visual dos anos oitenta, Romero Ferro faz pré lançamento do seu próximo disco, Arsênico, no dia 23, às 21h, na Praça Mestre Dominguinhos, dentro da programação do Festival de Inverno de Garanhuns. A noite vai ser das boas. No mesmo palco sobem artistas consagrados como, Cátia de França, Xangai, Elba Ramalho e Zeca Baleiro.

Romero é desses artistas da nova geração que tem conquistado público pelos caminhos da internet. Só no seu canal no Youtube, já são mais de 250 mil visualizações. No currículo, apresentações em festivais como o MADA  (RN), Móbile (PB) e Janeiro de Grandes Espetáculos (PE).

Arsênico conta com produção musical do carioca Diogo Strauzs (Alice Caymmi e Chay Suede) e conta com participações Patrick Laplan (Ex-Los Hermanos) nas baterias, Guilherme Eira nas guitarras, Nego Henrique (Ex-Cordel do Fogo Encantado) nas percussões, e o trio de metais composto por Nilsinho Amarantes (Trombone), Fabinho Costa (Trompete) e Liudinho Souza (Sax).

No show do FIG, serão seis músicas inéditas intercaladas com outras canções do seu repertório autoral, como, Sangue e Som.